top of page

Oráculo da Deusa - Minerva: Significado e interpretação deste Tarot


a deusa minerva com uma coruja de asa aberta em sua cabeça

A Simbologia da Carta Minerva no Oráculo da Deusa


Minerva, na mitologia romana, é a deusa da sabedoria, das artes, da estratégia militar e da justiça. Ela é frequentemente associada à deusa grega Atena, compartilhando muitas características e atributos. A veneração de Minerva remonta à época da Roma Antiga, onde seu culto era altamente reverenciado e ela era considerada uma das divindades mais importantes do panteão romano.


Minerva é filha de Júpiter, o rei dos deuses, e é dita ter nascido completamente armada da cabeça de seu pai após este ter engolido sua mãe, Métis, por medo de que seu filho nascesse mais poderoso que ele. Esse nascimento peculiar simboliza a natureza única e independente de Minerva, além de destacar sua conexão com a sabedoria e a estratégia.


Como deusa da sabedoria, Minerva é frequentemente representada com uma coruja, símbolo clássico do conhecimento e da inteligência. Sua coruja, chamada de "lilith", era considerada um guia espiritual, refletindo a habilidade de Minerva em enxergar através das trevas da ignorância. Além disso, seu animal de estimação é um atributo que a conecta diretamente com Atena, que também é associada a essa ave de rapina.


Minerva também desempenha um papel importante na esfera militar, sendo invocada pelos romanos em tempos de guerra para garantir sabedoria estratégica e vitória. Sua presença era muitas vezes invocada antes de batalhas importantes, e muitos generais buscavam a orientação de Minerva para garantir sucesso em suas campanhas militares.


A deusa também é reconhecida como protetora das artes e artesanato. Sua influência se estende à inspiração criativa e ao desenvolvimento das habilidades artísticas. Os romanos acreditavam que, ao honrar Minerva, poderiam receber bênçãos em suas atividades artísticas e educacionais.



O templo dedicado a Minerva na Colina Capitolina em Roma, conhecido como o Templo de Minerva Medica, era um local sagrado onde os romanos adoravam a deusa e buscavam orientação em diversas áreas de suas vidas. O culto a Minerva perdurou ao longo dos séculos, e sua influência pode ser observada em diversas manifestações culturais e artísticas romanas.


A deusa Minerva, com sua sabedoria, força militar e conexão com as artes, continua a ser uma figura intrigante na mitologia romana. Seu legado transcende o tempo, refletindo a importância que os romanos atribuíam à inteligência, estratégia e criatividade em suas vidas diárias e em seus empreendimentos mais significativos.


O Significado da Carta Minerva no Oráculo da Deusa


A carta Minerva no Oráculo da Deusa é um símbolo de sabedoria, estratégia e proteção divina. Ela representa a presença e a orientação da deusa Minerva em sua vida, oferecendo insights valiosos e auxílio em momentos de desafio. Ao ser revelada em uma leitura de tarô ou oráculo, a carta Minerva sugere que é hora de buscar conhecimento, aplicar sabedoria e agir com discernimento.


A coruja, símbolo clássico de Minerva, destaca a importância de enxergar além das aparências e confiar na intuição. A presença da deusa da sabedoria indica que você tem a capacidade de superar obstáculos através do pensamento estratégico e da tomada de decisões fundamentadas. Minerva incentiva a busca pelo autoconhecimento e aprofundamento nas questões que o cercam.


Além disso, a carta Minerva pode sugerir proteção divina em suas empreitadas. Ao honrar a sabedoria da deusa, você pode atrair sua orientação e auxílio, especialmente em situações desafiadoras. Este é um lembrete para confiar no processo, sabendo que a sabedoria superior está disponível para guiá-lo.


No contexto das artes e da criatividade, a carta Minerva pode indicar uma fase propícia para desenvolver suas habilidades e buscar inspiração. É um momento favorável para projetos educacionais, artísticos ou intelectuais, pois a deusa da sabedoria favorece o crescimento e o aprimoramento nessas áreas.


Em resumo, a carta Minerva no Oráculo da Deusa é um convite para abraçar a sabedoria interior, confiar na intuição e buscar a orientação divina. Ao fazê-lo, você pode enfrentar desafios com discernimento, aproveitar oportunidades de crescimento pessoal e artístico, e sentir a proteção da deusa Minerva em sua jornada.


Poema da Deusa Minerva


CRENÇAS

''Sou aquilo que penso

Minha vida é formada e moldada

pelo que digo a mim mesma

Quem sou no mundo

é o que eu penso que sou

O que tenho no mundo

é o que penso que posso ter 

O conteúdo de minha mente

é o que eu escolho

Eu descarto, corto, jogo fora

aquilo que não contribui para nada

O que os outros pensam de mim

é a história deles

e diz muito mais sobre eles

do que sobre quem eu sou

Na minha jornada

eu me certifico de que aquilo que carrego

seja de minha própria e cuidadosa escolha

e me sirva bem''


Sugestão de Ritual Deusa Minerva - O que há no meu sótão?


Reserve um horário e um lugar em que você não seja interrompida. Você precisará de papei e caneta. Sente-se ou deite-se confortavelmente, com a coluna reta, e feche os olhos. Inspire profundamente, respirando para todas as partes do corpo, deixando a respiração enchê-la como se você fosse um balão. Quando estiver completamente cheia, solte o ar.


Respire fundo outra vez e solte o ar. Feche os olho se sinta, visualize ou perceba um lance de escadas que leva você a um sótão. Pode ser um sótão que você já conheça ou um que você imagine. Suba os degraus. No alto da escada há uma porta. Você tem a chave dessa porta pendurada num cordão em seu pescoço. Pegue a chave e abra a porta. Você entra numa sala. Numa parede há prateleiras. Numa das prateleiras há uma caixa com a inscrição "crenças'. Pegue a caixa e abra. Dentro dela estão as suas crenças. Enfie a mão dentro da caixa, puxe uma delas e examine-a. Depois de examiná-la bastante, pergunte a si mesma: "Esta crença serve ao meu mais alto benefício ou à totalidade?" Se a resposta for afirmativa, devolva essa crença à caixa e tire outra. Se a resposta for negativa, transforme a crença em algo que sirva a você, algo que lhe pareça bom, algo que a alimente.

 

Repita sua nova crença algumas vezes e sinta-a aprofundando-se no seu coração, na sua consciência. Vivencie a alegria de ter essanova crença. Quando terminar, ponha a nova crença aperfeiçoadana caixa e devolva a caixa à prateleira. Feche a porta do sótão e tran-que-a com a chave. Desça a escada. Quando chegar embaixo, respire fundo e solte lentamente o ar à medida que volta ao corpo. Quando sentir que está pronta, abra os olhos. Seja bem-vinda!

 

Nota: Se perceber que suas crenças parecem resistir aos seus esforços para transformá-las, repita este ritual em outra ocasião. Isso é um processo, e as crenças com que você está lidando estão aí há muito tempo. Aqui é importante confiar. Talvez você queira anotar o nome de sua nova crença e colocá-lo num lugar de destaque, onde possa vê-lo sempre.

 

A carta Minerva no Tarot, como a maioria das cartas, tem aspectos positivos e negativos, que variam dependendo do contexto da leitura e das cartas circundantes. Aqui estão os principais aspectos positivos e negativos associados à Minerva:


Aspectos Positivos da Carta Minerva:

  1. Sabedoria e Discernimento: A presença de Minerva indica a busca pela sabedoria interior e a capacidade de tomar decisões informadas.

  2. Proteção Divina: A carta sugere proteção e orientação divina em momentos desafiadores, proporcionando um sentimento de segurança.

  3. Pensamento Estratégico: Minerva favorece o pensamento estratégico, incentivando a abordagem inteligente diante dos desafios.

  4. Crescimento Intelectual: Indica um período propício para o desenvolvimento intelectual, aprendizado e expansão do conhecimento.

  5. Inspiração Criativa: Associada às artes, a carta Minerva sugere inspiração criativa e um impulso para a expressão artística.


Aspectos Negativos da Carta Minerva:

  1. Rigidez Mental: Em uma perspectiva negativa, Minerva pode indicar rigidez mental ou excesso de lógica, negligenciando a intuição e a criatividade.

  2. Falta de Adaptabilidade: Em certos contextos, a carta pode alertar sobre a necessidade de ser mais flexível e adaptável em vez de se apegar rigidamente a planos.

  3. Frieza Emocional: O foco excessivo na lógica e na razão pode levar a uma falta de conexão emocional, resultando em distanciamento das próprias emoções.

  4. Obstáculos Intelectuais: Pode indicar desafios intelectuais que requerem uma abordagem estratégica, mas que podem exigir esforço extra para superar.

  5. Falta de Inspiração: Em termos criativos, a carta Minerva invertida pode indicar um período de bloqueio artístico ou falta de inspiração.


Veja também o significado de cada Carta do Oráculo da Deusa:

 

  • Significado da carta - Afrodite: Deusa grega representando o arquétipo do amor.

  • Significado da carta - Amaterasu: Deusa japonesa do sol representando o arquétipo da beleza.

  • Significado da carta - Ártemis: Na mitologia grega, é a deusa da caça e da natureza selvagem representando o arquétipo da individualidade.

  • Significado da carta - Baba Yaga: Personagem da mitologia eslava, muitas vezes retratada como uma bruxa sábia. Representando o arquétipo da mulher selvagem.

  • Significado da carta - Bast: Deusa egípcia associada à casa, ao amor e à proteção. Representando o arquétipo brincadeira.

  • Significado da carta - Blodeuwedd: Deusa celta da primavera e da transformação. Representando o arquétipo da traição.

  • Significado da carta - Brígida: Deusa celta associada à cura, à poesia e à forja. Representando o arquétipo da inspiração.

  • Significado da carta - Cerridwen: Deusa celta da inspiração e da poção da sabedoria. Representando o arquétipo da morte e renascimento.

  • Significado da carta - Coatlicue: Deusa asteca da terra e da fertilidade. Representando o arquétipo da dor.

  • Significado da carta - Demeter: Deusa grega da agricultura e da colheita. Representando o arquétipo dos sentimentos e emoções.

  • Significado da carta - Durga: Deusa hindu da guerra justa. Representando o arquétipo dos limites.

  • Significado da carta - Eostre: Deusa germânica da primavera. Representando o arquétipo do crescimento.

  • Significado da carta - Erínias: Na mitologia grega, são deusas da vingança. Representando o arquétipo da crise.

  • Significado da carta - Esfinge: Criatura mítica grega com corpo de leão e cabeça humana. Representando o arquétipo do desafio.

  • Significado da carta - Eurínome: Deusa grega associada à criação e à dança. Representando o arquétipo do êxtase.

  • Significado da carta - Freia: Deusa nórdica do amor e da fertilidade. Representando o arquétipo da sexualidade.

  • Significado da carta - Gildéptis: Deusa indígena da fertilidade e da pesca. Representando o arquétipo da síntese.

  • Significado da carta - Hator: Deusa egípcia do amor, da beleza e da música. Representando o arquétipo do prazer.

  • Significado da carta - Hécate: Deusa grega associada à magia, à lua. Representando o arquétipo da encruzilhada.

  • Significado da carta - Héstia: Na mitologia grega, é a deusa da família. Representando o arquétipo do lar.

  • Significado da carta - Iemanjá: Deusa africana, especialmente reverenciada no candomblé, associada ao mar e à maternidade. Representando o arquétipo da entrega.

  • Significado da carta - Inanna: Deusa suméria da fertilidade, do amor e da guerra. Representando o arquétipo do abraçando a sombra.

  • Significado da carta - Isis: Deusa egípcia da maternidade, magia e proteção. Representando o arquétipo da maternidade.

  • Significado da carta - Ix Chel: Deusa maia da lua, do amor e da medicina. Representando o arquétipo da criatividade.

  • Significado da carta - Kali: Deusa hindu da destruição e renovação. Representando o arquétipo do medo.

  • Significado da carta - Kuan Yin: Deusa budista da compaixão e da misericórdia. Representando o arquétipo da compaixão.

  • Significado da carta - Lakshmi: Deusa hindu da prosperidade, riqueza e beleza. Representando o arquétipo da abundância.

  • Significado da carta - Lilith: Figura mitológica presente em várias tradições, muitas vezes associada à feminilidade selvagem e independência. Representando o arquétipo do poder.

  • Significado da carta - Maat: Deusa egípcia da verdade, justiça e ordem cósmica. Representando o arquétipo da justiça.

  • Significado da carta - Maeve: Rainha lendária da mitologia irlandesa, associada à soberania e à guerra. Representando o arquétipo da responsabilidade.

  • Significado da carta - Maya: Deusa hindu da ilusão e da criatividade cósmica. Representando o arquétipo da ilusão.

  • Significado da carta - Morgana, a Fada: Personagem da lenda arturiana, muitas vezes retratada como feiticeira e conselheira. Representando o arquétipo dos ritmos.

  • Significado da carta - Mulher do Milho: Figura importante nas mitologias indígenas americanas, associada à fertilidade e à colheita. Representando o arquétipo do alimento.

  • Significado da carta - Mulher Mutante: Representação simbólica da transformação e da adaptabilidade feminina. Representando o arquétipo dos ciclos.

  • Significado da carta - Nu Kua: Deusa chinesa da criação e da restauração. Representando o arquétipo da ordem.

  • Significado da carta - Nut: Deusa egípcia do céu e dos astros. Representando o arquétipo do mistério.

  • Significado da carta - Oxum: Deusa africana do rio, do amor e da fertilidade. Representando o arquétipo da sensualidade.

  • Significado da carta - Oya: Deusa iorubá do vento, tempestades e transformação. Representando o arquétipo da mudança.

  • Significado da carta - Pachamama: Deusa andina da terra e da fertilidade. Representando o arquétipo da cura e o sagrado.

  • Significado da carta - Pele: Deusa havaiana dos vulcões, associada à criação e destruição. Representando o arquétipo do despertar.

  • Significado da carta - Rhiannon: Deusa celta associada à terra, à lua e à fertilidade. Representando o arquétipo da dúvida.

  • Significado da carta - Sedna: Deusa inuit do mar, associada à pesca e à proteção dos animais marinhos. Representando o arquétipo da vítima.

  • Significado da carta - Sekhmet: Deusa egípcia da guerra, da cura e da justiça. Representando o arquétipo da raiva.

  • Significado da carta - Senhora das Feras: Deusa celta associada à proteção dos animais selvagens. Representando o arquétipo do relacionamento.

  • Significado da carta - Shakti: Na tradição hindu, é a energia cósmica feminina que impulsiona a criação. Representando o arquétipo da energia.

  • Significado da carta - Sheila Na Gig: Figura mítica celta, muitas vezes representada como uma escultura grotesca associada à fertilidade. Representando o arquétipo da abertura.

  • Significado da carta - Sofia: Na tradição gnóstica, é a personificação da sabedoria divina feminina. Representando o arquétipo da sabedoria.

  • Significado da carta - Sulis: Deusa celta associada às águas termais e à cura. Representando o arquétipo da doença e saúde.

  • Significado da carta - Tara: Deusa budista da compaixão e virtude. Representando o arquétipo da centralização.

  • Significado da carta - Uzume: Deusa japonesa da alegria, dança e humor. Representando o arquétipo do riso

  • Significado da carta - Vila: Na mitologia eslava, é uma espécie de fada ou espírito da natureza. Representando o arquétipo da mudança de forma.


A carta Minerva no Oráculo da Deusa oferece uma rica tapeçaria de significados que abrange tanto aspectos positivos quanto desafios a serem enfrentados. Como personificação da sabedoria, estratégia e proteção divina, Minerva traz consigo uma gama de influências que podem moldar e enriquecer diferentes áreas da vida durante uma leitura de tarot.


Os aspectos positivos da carta Minerva destacam-se por sua ênfase na sabedoria e no discernimento. Ao revelar esta carta, é um convite para buscar a sabedoria interior, confiar na intuição e agir com discernimento. A proteção divina associada à deusa oferece uma sensação de segurança, sugerindo que, mesmo em momentos desafiadores, há uma guia espiritual para iluminar o caminho.


A presença de Minerva também incentiva o pensamento estratégico, favorecendo uma abordagem inteligente diante de obstáculos. Isso se estende ao crescimento intelectual, encorajando a busca por conhecimento e aprendizado. Nas artes, a carta Minerva aponta para uma fase propícia para inspiração criativa, estimulando o desenvolvimento e a expressão artística.


Por outro lado, os aspectos negativos associados à carta Minerva alertam para possíveis armadilhas. Rigidez mental e falta de adaptabilidade podem representar desafios em lidar com situações em constante mudança. A frieza emocional pode indicar uma necessidade de equilibrar a lógica com a compreensão emocional. Obstáculos intelectuais, embora abordados com pensamento estratégico, ainda demandam esforço adicional.


Além disso, a falta de inspiração criativa pode ser um sinal para explorar novas fontes de expressão artística e encontrar inspiração em diferentes áreas da vida. Em última análise, a carta Minerva oferece um quadro equilibrado, convidando o consulente a abraçar a sabedoria, buscar a orientação divina, aplicar o discernimento e encontrar inspiração em sua jornada, lembrando que o conhecimento e a estratégia são aliados poderosos, mas a flexibilidade e a empatia também são essenciais para um equilíbrio completo.


Se gostou do nosso conteúdo, sinta-se à vontade para compartilhá-lo com seus amigos e familiares.

Se você ainda tem dúvidas ou deseja explorar ainda mais as artes divinatórias, não perca mais tempos. Faça agora uma consulta com o Oráculo da Deusa e descubra o que o futuro reserva para você. Visite nosso site e faça sua consulta.

Comments


Consultores:

bottom of page